Lista de postagem

Os pets se reconhecem no espelho?

Nem mesmo uma longa sessão de banho e tosa numa petshop é capaz de fazer o seu cachorro parar na frente de um espelho para conferir o próprio visual, selfies? Nem pensar. A razão disso não é a falta de vaidade do seu pet, mas sim à incapacidade que ele tem de reconhecer a própria imagem refletida, segundo estudos realizados em cães.

Essa característica dos cães não é uma exceção no mundo animal.

A capacidade de identificar a si mesmo em um espelho é bastante rara na natureza, presente apenas entre os grandes primatas (chimpanzés, gorilas, orangotangos e humanos), nos golfinhos e nos elefantes.

Entre os cientistas há o entendimento de que essa habilidade só é possível em espécies com alto grau de empatia e comportamento altruístico, ou seja, que são aptos a perceber as necessidades de outros indivíduos de sua espécie e tentar ajudar. Além disso, a visão não é um dos sentidos mais importantes ou fortes para os cães, mas sim o olfato. É por meio do olfato que o animal identifica pessoas, outros cães, comidas e novidades. Esse sentido é desenvolvido muito cedo, após apenas 3 horas de vida. Com os olhos ainda fechados, o filhote é capaz de encontrar a mãe sem que ninguém o guie, utilizando apenas o olfato, e só depois do décimo dia de vida ele abre os olhos. Assim, como o comportamento dos cães depende da maneira como eles percebem o mundo, o olfato passa a ser o principal meio de “enxergarem”, inclusive a si próprios. Exatamente por isso um cão não consegue se reconhecer diante de um espelho.

 

Fonte: Portal Terra

Fonte: Meu pet

 

 

Recuperar Senha

Informe um e-mail para receber instruções de como criar uma nova senha.