Lista de postagem

Kit de primeiros socorros para pets: faça você mesmo

Prevenir é melhor do que remediar. Isso também vale para os nossos animais de estimação. Às vezes é inevitável que eles se machuquem, mas, felizmente, um simples kit de primeiros socorros para pets pode ser uma solução rápida para pequenos problemas de saúde.

Por que é importante ter um kit de primeiros socorros?

Os animais podem sofrer acidentes, seja em casa ou na rua. Durante o dia a dia, nossos bichinhos estão expostos a diferentes situações que podem representar um risco para a sua saúde. Entre elas, podemos destacar:

  • Cortes, em casa ou na rua. Dependendo da gravidade, eles podem provocar sangramentos.
  • Queimaduras;
  • Mordidas, por acidente ou por confronto com outros animais.
  • Asfixia, indisposição intestinal ou intoxicação.
  • Quedas ou traumatismos causados, por exemplo, por atropelamentos.

Para muitas dessas situações, um kit de primeiros socorros é um ótimo aliado. No entanto, é preciso ter em mente que esse kit de primeiros socorros não substitui a consulta com um veterinário.

Além disso, é altamente recomendável que todos os produtos do kit, especialmente produtos farmacêuticos, sejam aprovados para uso veterinário.

Para fazer um kit básico, precisamos dos seguintes produtos:

  • Luvas de látexassim, garantimos um grau extra de higiene;
  • Gaze, fita e ataduras: muito úteis quando ocorrem cortes, feridas e sangramentos;
  • Soro fisiológico: para limpar a área dos olhos e as feridas;
  • Tesoura;
  • Termômetro retal;
  • Pomadas: podem ser úteis no tratamento de picadas e reações alérgicas.Este tipo de produto costuma ser receitado após uma consulta com o veterinário.

Dessa forma, é possível curá-los completamente ou, controlar a situação provisoriamente enquanto procuramos um veterinário.

Produtos adicionais

O kit de primeiros socorros pode ser complementado com alguns elementos mais específicos, que geralmente dependem do animal de estimação de cada um. Alguns deles são:

  • Pinça especial para remover carrapatos;
  • Cortadores de unhas;
  • Produtos de limpeza para os ouvidos, muito apropriados no caso dos cães;
  • Protetor de almofadas, caso o animal sofra algum tipo de irritação com tecidos;
  • Indutor de vômito, que pode ser de grande ajuda para envenenamentos;
  • Produtos antiparasitários específicos: além de proteger o cão com coleiras ou ampolas, recomenda-se sempre uma proteção extra, como uma coleira extra ou um spray antiparasitário.

Certifique-se que tudo que está contido no kit esteja dentro do prazo de validade. Essa revisão periódica é fundamental no caso de medicamentos, seja para uso tópico ou oral.

Por fim, mas importante,  consulte seu veterinário para garantir que tudo no kit seja adequado para o seu animal de estimação. Além disso, para garantir rapidez no momento de emergência, coloque o kit em um local de fácil acesso, mas seguro.

 

Fonte: https://meusanimais.com.br/

Recuperar Senha

Informe um e-mail para receber instruções de como criar uma nova senha.